Você já viu algum crente galinha (tipos de crente)

Você ficaria surpreendido se te afirmar que tem crente que sofre da síndrome do galo? A fábula síndrome do canto do galo tem este nome por causa do galo de uma fazenda, que julgava que o sol nascia por conta do seu canto. Esta ilusão terminou no dia em que seu dono o levou para a panela. Mas nosso propósito aqui é falar do crente galinha.

Ele na igreja cacareja em momentos impróprios, mas na hora de fazer uma reafirmação, nega-a. Lembre-se, que foi o canto de um galo que fez com que Pedro percebesse que havia traído a Jesus.

Pedro deve ter ficado tão perturbado que nunca mais quis olhar para um Gallus gallus, quanto mais ouvir seu canto. Vejamos por que minha comparação do crente alma sebosa com a galinha faz sentido.

O galináceo tem uma característica bem peculiar. Na hora da alimentação a galinha A bica a galinha B, que é mais fraca do que aquela. A galinha B por sua vez bicará a galinha C que é mais fraca do que as anteriores. Este jogo seguirá ininterruptamente até o dono das galinhas constatar o problema e solucioná-lo, cortando o bico das galinhas que são agressoras.

Os cultos estão cheios de crentes desta natureza, o resultado é uma balbúrdia só.  O crente assentado à direita de outro, acotovelará o da esquerda para fazer um comentário á respeito de alguma pessoa ou circunstâncias ocorrendo no momento.

Assim, quando menos se espera, todos estão conversando e ninguém prestando atenção na mensagem que está sendo ministrada, simplesmente porque na reunião tem crente-galinha. Estas persistirão no seu erro, galinhas não sabem ler. Se soubessem conheceria o que a Palavra de Deus diz á respeito da ordem no culto.

Temas Relacionado:

“Guarda o teu pé, quando entrares na casa de Deus; e inclina-te mais a ouvir do que fazer sacrifícios de tolos, pois não sabem que fazem mal. Não te precipites com a tua boca, nem o teu coração se apresse a pronunciar palavra alguma”.

Você já viu algum crente galinha (tipos de crente)

Tempo de leitura: 1 min