O que é opressão demoníaca (conceito e significado)

Eis um  tema atualíssimo, possessão e opressão demoníaca. Este post tive que editar diversas vezes, por conta que aparecia duas imagens, uma aqui no primeiro paragrafo, a outra lá no meio do artigo. O troço me irritou, fosse supersticioso diria que é coisa do Capiroto pela teimosia da imagem em ficar aqui, em duplicidade. Mas vamos a definição e diferenças entre possessão e opressão demoníaca.

Possessão é quando um, ou mais demônios invadem a vida e o corpo de uma pessoa. Na possessão ele(s) domina os membros, a mente e a fala da pessoa.

Notamos na possessão outro ser dentro do corpo de alguém. Opressão é o mesmo que pressão. Aqui os demônios agem do lado de fora da pessoa, pressionando-a, apertando-a.

Opressão é pressão maligna. O diabo age ou pelo menos tenta atingir suas vitimas, cercando-a por todos os lados. O Diabo atacou Jó em todas as direções, causando-lhe inúmeros danos financeiros, estruturais e físicos. Contudo, Jó teve atitudes vencedoras.

Direções de opressão demoníaca

opressão demoníaca

SUL– roubo- gado e jumentas- vida financeira

OESTE- queimadas por raios- ovelhas- o sacrifício

NORTE- roubo- camelo- mercadoria, mobilidade

LESTE- tufão- filhos- ataque à família

“Vocês não sabem que os perversos não herdarão o Reino de Deus? Não se deixem enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem homossexuais passivos ou ativos, nem ladrões, nem avarentos, nem alcoólatras, nem caluniadores, nem trapaceiros herdarão o Reino de Deus”. 1 Co 6. 10-11

O texto acima nos mostra uma lista horrorosa, onde esses pecadores descritos estão destinados ao inferno. Entretanto, apesar de alguns ainda estarem sendo, fomos todos lavados, santificados e justificados, em Nome de Jesus e pelo Espírito do nosso Deus. Estão ai envolvidos, na ordem: Jesus, o Espírito Santo e Deus.

É fato que existe a promessa bíblica de mudança de natureza. E isso é fantástico! Alguns em 1 Coríntios foram e alguns ainda são, o que essa lista nos mostra, mas já foi feito o sacrifício por nós, e já estão operando a lavagem espiritual (que podemos dizer que é o lavar do pecado diário, segundo a seção bíblica conhecida como o Lava-Pés.

Deus está nos santificando, apesar de até imaginarmos que não, em alguns momentos, mas uma certeza temos: já não somos iguais a quando aceitamos a Cristo, já mudamos. Deus é justo e requer justiça, essa justiça legal foi cumprida em Jesus. Ele pagou o preço, para que legalmente fossemos livres. O Parente Remidor entrou em ação e nos abençoou.

É tão sério esse assunto que Paulo lista ordenadamente quem são os envolvidos diretos em nossa transformação de natureza: primeiro Jesus, depois o Espírito Santo e por último Deus Pai. A Trindade está em peso voltada para transformar a nossa natureza pecadora.

Quais as armas que o diabo usa?

Qual é a arma que o Diabo usa? O engano, a mentira, a meia-verdade. O ataque que sofremos de Satanás ocorre em primeiro lugar na nossa mente. Hoje em dia todos sofremos pressão, ou opressão maligna. Os demônios estão atacando todas as áreas da sociedade. Todos estamos sendo atacados pela mídia, por ensinos e argumentos que nada tem a ver com Deus. As finanças mundiais estão arruinadas. A moral está desgastada. A família está destruída.

Muitos textos nos mostram que a nossa luta é primeiro mental e depois quando vencidos é que alguns irão pecar. Então para termos vitória precisamos de uma contraproposta espiritual à altura. E essa contraproposta é a Palavra de Deus.

Temas Relacionado:

“As armas com as quais lutamos não são humanas; pelo contrário, são poderosas em Deus para destruir fortalezas. Destruímos argumentos e toda pretensão que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo.” (2 Co 10. 4-5) A nossa Batalha é em primeiro lugar mental. Satanás opera pelo engano, pela mentira, e quando vencidos na mente, alguns pecam.

Paulo Sérgio Lários

Paulo Sérgio é Presbitero, tecnico de informática e escritor

O que é opressão demoníaca (conceito e significado)

Tempo de leitura: 3 min