O livramento de Deus no dia do mal (também no dia mau)

Recebi esta pergunta Deus nos livra do Dia mal ou no dia mal?, da minha amiga Josy Neves na minha página do Facebook, resolvi tratar deste assunto aqui, visto que o tema é interessante. As expressões mal e mau, trazem grande confusão no seu uso, visto que são palavras homófonas, isto é, possuem o mesmo som, embora trazendo significados diferentes.

(Meu Deus, como estou falando difícil!) Primeiramente, vamos definir a diferença entre mal e mau, para isto vamos recorrer ao Yahoo Respostas:

Mau – Mau é adjetivo, trazendo o significado de “ruim”, “nocivo”, “prejudicial”, “de má qualidade”, sendo a sua forma feminina má. 

Mal é substantivo, advérbio ou conjunção e seu antônimo é bem. Sendo substantivo o verbete pode significar “enfermidade”, moléstia”, estrago”, “tudo aquilo que é prejudicial ou nocivo”, opinião desfavorável”, etc…

O “Dia do mal” comumente é referido nas Sagradas Escrituras como um dia de juízo ou julgamento de Deus para com os povos, no entanto, Deus livra dentre os povos aqueles que os temem. Temos um exemplo no caso das dez pragas do Egito, em que há testemunho de que nada afetou a Israel, nem o mover da língua de um cão. (Ex. 11.7; I Sm. 15.6).

Os cristãos quando se afastam de Deus, há a permissão para que o mal os açoite, embora muitas vezes estes na sua insensatez não percebam isto e ainda vá reclamar contra o Senhor. (Dt 31. 17, Jr 44. 17-19,25). Então ficamos acertados que a expressão “Dia do mal” é coletivo, empregado para um grande numero de pessoas. Ou eu estou errado? Pô ajuda aí ô, vê se comenta nesta bagaça! A Bíblia ainda sustenta que o Senhor fez o ímpio para o dia do mal (Pv 16. 4; Am 9. 4). Não quero aqui discutir sobre predestinação. Sou um menino modesto!

A expressão No dia mal é singular

mal

Quanto à expressão “No dia mal” é singular, sendo uma circunstância pessoal, algo que nos afeta, uma doença, uma moléstia, ou algo nocivo. Vamos trazer um testemunho do Rei Davi para respondermos a esta questão:

“Bem-aventurado é aquele que atende ao pobre; o SENHOR o livrará no dia do mal. O SENHOR o livrará, e o conservará em vida; será abençoado na terra, e tu não o entregarás à vontade de seus inimigos. O SENHOR o sustentará no leito da enfermidade; tu o restaurarás da sua cama de doença.” Sl 41. 1-3

Tem gente que inveja a Davi, porem, não sabe as lutas pelas quais ele passou. Davi está no leito de enfermidade, e seus inimigos, no caso Joabe, o carniceiro é um deles, eles estão ansiosos pela morte do rei. Note que Davi se refere a sua doença como conseqüência de pecado, solicita o perdão do Senhor, declarando que Este livra o pobre. Davi sabe que socorrer os pobres é coisa de que Deus gosta, sendo sua ação exclusiva.

Temas Relacionado:

Por causa da opressão do necessitado e do gemido do pobre, agora me levantarei”, diz o Senhor. “Eu lhes darei a segurança que tanto anseiam.” Sl 12. 5

Então, querida Josy, acompanhe sempre o Mundo de Beakman para esclarecer suas duvidas (nossa, estou tão engraçadinho hoje! Será que alguém aí sorriu?). Bem, mas você pode colocar sua opinião, aí embaixo na caixinha.

O livramento de Deus no dia do mal (também no dia mau)

Tempo de leitura: 2 min