Bispa Sonia Hernandes é mercenária?

Uma legião de críticos tomou conta do Facebook, são pessoas desprovidas de senso comum e de moral duvidosa. Eles querem opinar sobre tudo e todos. Pessoas divorciadas da justiça estão sempre prontos para apontar o dedo, para fazer acusações terríveis. O mais recente caso envolve a Bispa Sonia Hernandes, que ao lançar uma linha de cosméticos foi acusada de mercenária e outros adjetivos nada louváveis, tanto no Facebook, quanto na web. 

O blog Desmascarados pela Verdade, que se propõe a denunciar as mazelas da sociedade, fez uma chamada no mínimo insultuosa e passível de representação judicial, criou um post chamando a Bispa Sonia de mercenária, gratuitamente, sem nem ao menos justificar o porquê da acusação, uma vez que se limita a reproduzir o conteúdo do Portal IGospel. Cuja matéria reproduzo trecho logo abaixo:

A Bispa Sonia Hernandes lançou a linha de cosméticos “Divinessence – Kit De Bem Com a Vida”. Trata-se de uma linha com perfume, creme hidratante e sabonete liquido.

Durante o culto da manhã que Bispa Sonia ministra, ela falou um pouco sobre essa realização “essa linha de produtos vem da benção da Ceia de Oficiais, que diz que sementes que você nem lembrava que havia semeado iriam frutificar. E não vamos parar por aqui. Em breve lançaremos a linha de perfumes para homens, que será o kit do Apóstolo Estevam”.

Meu Divinessence – Kit De Bem Com a Vida

Bispa Sonia Hernandes

Pode sim. Quero esclarecer um ponto que considero fundamental antes de prosseguir. Não sou portador de nenhuma procuração AD- Judicia para representar a Bispa Sonia. Nem fui constituído seu procurador, assim passo as argumentações seguintes de consciência livre.

1 – Qualquer pessoa pode perfeitamente criar uma linha de cosméticos ou qualquer outro produto, desde que tenha competência para faze-lo.

2 – Há de se observar, impostos e encargos sociais estão sendo devidamente recolhidos pelas autoridades competentes. Em caso positivo, onde cabe a acusação de mercenária?

3 – A venda do produto fere o Código de Defesa do Consumidor, se configura como propaganda enganosa ou outra qualquer coisa que fere a legislação brasileira? Em caso negativo, por que a gritaria e acusações?

4 – A linha de produtos está em desacordo com os preceitos cristãos? Em caso afirmativo, os responsáveis vão responder na instância eleita para este foro, o Tribunal de Deus.

5 – O lançamento do produto visa oferecer aos cristãos uma oportunidade de ter um produto que os represente, uma exclusividade. Clubes e empresas não tem explorado nichos de mercado para se aproximar do seu publico alvo?  

Maria vai com as outra à oficina vazia

Não, não estou indignado! Noto, infelizmente que sendo o Facebook a rede social de maior visibilidade atualmente, tenha lá como em qualquer outro lugar o “Maria vai com as outras”. São pessoas que seguem opiniões, que não divergem, que concordam com qualquer coisa exposta.

Não estou afirmando que seja errado seguir ou concordar com opiniões, mas evidenciando que há pessoas que não tem luz própria. São satélites que não pensam ou tem preguiça de pensar. Um exemplo, se alguém emite uma opinião e vem a primeira e segunda pessoa e concorda com o exposto, as demais seguem o mesmo trilho, de forma bovina, ruminando ódio e preconceito e desconhecimento do que está exposto.

Temas Relacionado:

O caso se agrava muito quando falsos moralistas e hipócritas querem impor seu conceito de verdade, querendo faze-la absoluta. Felizmente, não há unanimidade. Caso houvesse, era de se preocupar muito, visto que toda unanimidade é burra. Se todos tivessem um pensamento uniforme, estaríamos num paraíso de dementes, de cavalgaduras.

Bispa Sonia Hernandes é mercenária?

Tempo de leitura: 3 min