As Bem aventuranças Sede e fome de justiça (sermão do monte)

Como definir as Bem aventuranças “Fome e sede de justiça”, é o que veremos neste breve ensaio. Vamos usar como texto base Mt 3. 2; 4. 17; 5. 1-12. Vamos descobrir o que é o reino de Deus e suas características de governo.

1 – O que é o Reino de Deus? É o governo de Deus. E um governo são as características do rei do governo.

2 – Por isso Satanás não conseguiria ser Deus no lugar de Deus de maneira alguma, ele precisaria ser criador e Criador só Deus.

3 – Por isso que rebelião contra Deus leva a não existência.

4 – O Plano de Governo do Reino de Deus demorou uma eternidade a chegar.

5 – Na Plenitude dos Tempos João Batista veio pregando a sua revelação: Arrependimento e Reino dos Céus.

6 – Logo o discípulo supera o Mestre: Jesus prega o Plano de Governo do Reino: O Sermão da Montanha.

O Sermão do Monte  (As Bem aventuranças)

Bem aventuranças
E Jesus, vendo a multidão, subiu a um monte, e, assentando-se, os ensinava, dizendo. Mt  5. 1,2 

1 – Bem-aventurado significa feliz, no contexto do AT e do NT. (Sl 106. 3) A expressão aparece 7 vezes no VT e 26 no NT. Bem-aventurado é a pessoa feliz em Deus, portanto feliz espiritualmente. (Tg 1. 2 grande gozo) Portanto cheia do Espírito.

2 – Quem são os bem-aventurados e o que vai acontecer com eles. Mt 5. 1-12

3 – As bem-aventuranças são uma lista do cidadão do Reino e que vai na contramão do mundo. Quem é o cidadão do Reino? São os de Mt 5. 3-9

Fome e Sede de justiça

1 – Enquanto não passamos por uma grande injustiça, ou nos condoemos pela injustiça praticada a outro(s), o máximo que sentimos não é fome, mas apetite; o máximo que sentimos não é sede, mas é vontade, como a de beber refrigerante toda hora.

2 – Fome e sede de justiça é ficar profundamente angustiado pela injustiça praticada. Mas o que é injustiça? Injustiça é a falta ou ausência de justiça. Injustiça é quando além da justiça não for respeitada, há impunidade no ato.

3 – Exemplos de injustiça: a miséria, a fome, desrespeito, insegurança, violência, guerras, desigualdades, preconceito.

4 – A justiça parte da existência de uma lei. Existe um padrão estabelecido por Deus e que é Deus. A Bíblia é um livro justo, um padrão a todos.

5. Há uma promessa escatológica aos que sofrem com as injustiças do mundo, que existem devido ao pecado e que Deus usa para nos provar: um dia seremos fartos. Um dia Deus julgará todo ato injusto – e isto é uma promessa.

Paulo Sérgio Lários

Paulo Sérgio é Presbitero, tecnico de informática e escritor

As Bem aventuranças Sede e fome de justiça (sermão do monte)

Tempo de leitura: 2 min