Administrando o tempo diante de Deus

Tudo bem creio que sim, que vida corrida não é? Tantos afazeres e compromissos que temos a firme impressão de que o dia não tem 24 horas, as horas e dias passam tão céleres! Hoje o volume de informações a processar é de tal monta que não nos damos conta, por isto julgamos que os dias passam rápido. Mas vamos lá, dedique um tempo para ler este artigo, ele vai te ajudar a resolver melhor esta questão. Vamos apresentar um exemplo de vida atarefada, cheia de compromissos, mas, no entanto vitoriosa em Deus.

Vou te contar algo que vai te deixar surpreendido, já ouvi pessoas afirmarem que oração é coisa de pessoas que não trabalham ou que tem tempo disponível para a prática. A interpretação desta fala, consciente do seu pensamento ou não, revela no intimo que oração é coisa para vagabundos.

É forte, não é mesmo? Pois bem, suponhamos que este argumento tenha validade, então poderíamos chamar a Davi, rei e salmista de vagabundo, por conta de que sete vezes nos dia louvava ao Senhor.

Quem pensa que Davi sendo rei tinha a vida livre de compromissos, se engana. Um chefe de Estado representa os interesses e personificação de poderes e funções de uma nação ou reino constituído. Sendo assim tem de fazer despachos, conceder audiências, entrevistas e infindáveis reuniões com ministros e auxiliares.

Então pergunto: De que forma Davi louvava a Deus sete vezes no dia, onde encontrava tempo? Ele administrava o tempo. Davi conhecia o poder da oração, conhecia que todos os seus tempos estavam nas mãos de Deus (Sl 31. 15)

A primeira audiência do dia era com Deus

tempo-de-deus

Davi assim que se levantava dava graças ao Senhor, entrava em sua presença agradecendo pela noite de paz (Salmos 3) e solicitando livramentos futuros. Não ignorava o dia árduo que o esperava. “Pela manhã, ouvirás a minha voz, ó SENHOR; pela manhã, me apresentarei a ti, e vigiarei”. Sl 5. 5

A oração pela manhã, logo ao acordar tem um efeito fantástico, o dia transcorre bem, muitos obstáculos e aborrecimentos são afastados. A sua comunhão com o Senhor é fortalecida, você passa a ser mais confiante na resolução de problemas. Ore todas as manhãs, agradeça ao Altíssimo por tua vida. Peça a Ele orientação para o dia que começa.

Tem um texto do qual você e eu gostamos muito, é o que diz respeito a buscar primeiro o reino de Deus, sendo que as demais coisas são acrescentadas, (Mt 6. 33,34). O dia transcorria normalmente, Davi recebia reis, príncipes, embaixadores, sacerdotes, levitas e cidadãos do reino, para despacho ou resoluções de conflito.

Acredito que entre uma audiência e outra, Davi se ausentava do trono, e ia ter uma audiência com o Altíssimo. Que privilégio! Era onde ele se fortalecia, onde buscava conselhos para as questões diárias. Sl 25. 14; 73. 24

Quem tem tempo para Deus não se embaraça

Davi não abria mão de ter horários livres, tempos previamente marcados para estar com o Senhor (Sl 119. 148), considerava que estar com Deus era a audiência mais importante do Dia, e o fazia sete vezes. “Sete vezes por dia eu te louvo por causa das tuas justas ordenanças.”

Temas Relacionado:

Finalizando, acrescento que podemos ter corações sábios, basta pedir ao Senhor que nos ensine a contar os nossos dias, a registrá-los sob a ótica dEle (Sl 90. 12). Não é necessário vivermos na ditadura do relógio, nos inquietarmos de cumprir os nossos compromissos, os nossos horários, nós temos o controle quando deixamos o Senhor trabalhar na nossa vida.

Administrando o tempo diante de Deus

Tempo de leitura: 3 min