A mulher sábia na visão bíblica

O rei Salomão descreve em Provérbios 31.10-31 um exemplo de mulher sábia.  As características de uma mulher, que chama de sábia, que é mãe e esposa, como um exemplo bíblico a ser seguido. As características dessa mulher são muitas. Não há duvidas do marido em relação a ela. Ela é prospera e faz sua casa prosperar mais. Este modelo de mulher é trabalhadora, sendo excelente empreendedora, ela compra e vende terrenos.

Ela planta uma vinha. É cheia do Espírito, “a sua lâmpada não se apaga de noite”. Seu marido é louvado por causa dela. É a primeira que acorda em casa, antes das servas e é a última que dorme.

Essa mulher é um exemplo de uma mulher que pode nunca ter existido e ai a Bíblia nos aprofunda em mais do que apenas observamos numa primeira vista.

Conhecendo um pouquinho a Bíblia, que na sua maioria é machista, apesar de Jesus ter vindo resgatar a mulher a um status que foi em parte estragado pelo apóstolo Paulo, achamos bastante difícil uma mulher, nos tempos de Salomão, que comerciava tão livremente quanto essa mulher e que comprava herdades, terrenos.

Com certeza essa é uma mulher que serve de exemplo a qualquer mulher em qualquer tempo. Mas provavelmente essa mulher descrita aqui seja um exemplo a ser seguido. Hoje é possível e razoável esperarmos mulheres semelhantes.

Hoje ainda observarmos lugares no mundo ainda totalmente fechados para a mulher. Nem todo mundo é ocidental e livre. Vemos que a mulher de Israel, quando chega ao Novo Testamento necessitava urgentemente de ser tratada pelo Senhor Jesus. A observância correta de Jesus, em contato com as mulheres, no Novo Testamento, merece toda a nossa consideração.

O padrão bíblico para a mulher sábia

mulher sábia
Davi e Abigail – Ilustração de Antonio Molinari. Abigail tem todas as características de uma mulher sábia

Mas se essa mulher não é real, quem, ou o quê é essa mulher? Não descartamos que Salomão possa ter encontrado uma mulher assim, mas não descartamos também que essa poderia muito bem ser o sonho de um homem, marido, rei e governante.

Salomão teve muitas mulheres em sua vida, mas da forma que ele descreve essa mulher sábia, parece mais que ele queria ter encontrado num ato de saudosismo, ou de um tempo que não volta mais, uma mulher assim. Talvez ele nunca tenha conhecido alguém assim, mas imaginasse como deveria ser uma mulher, do seu tempo.

E notamos que na mente de Salomão, ele não era machista, mas a sua sociedade o era. E mesmo que essa mulher seja o sonho de um escritor bíblico inspirado, de um homem livre, que podia muita coisa e até se dava ao luxo de fazer coisas que não deveria ter feito, pois era o rei. A mulher sábia descrita não parece ser uma mulher real, ma um padrão bíblico feminino a ser seguido.

O texto que lemos e que descreve uma mulher e a chama de mulher sábia, independente de ser real essa mulher. O que realmente interessa é o padrão. Esse texto nos mostra um padrão do que deve ser uma esposa e mãe, segundo a Bíblia. A esposa e mãe devem se espelhar nesse texto, para entender o que Deus requer da mulher. Esse texto nos mostra um padrão bíblico para a mulher.

Paulo relaciona a mulher sábia ao bom obreiro

Existem muitos outros padrões no Novo Testamento, que é muito importante observarmos. Um dos padrões mais conhecidos e desejados é o de I Timóteo 3:1-13, que fala sobre as características esperadas da liderança na igreja. Esse texto nos fala sobre os Bispos, os que estavam à frente, de uma forma mais visível, mas não mais importante, pois todos somos amados perante Deus e não devemos nos achar mais do que ninguém.

Nesse padrão de liderança, havia a recomendação para que que fosse irrepreensível, que esse governasse bem a sua casa, não neófito (novato na fé). Olha só esse ponto merece um livro, não ser neófito é também não agir como neófito. Vejo crente velho fazendo coisas de gente que acabou de chegar ao Evangelho. E que esse tenha um bom testemunho dos de fora. Esse ponto também merece muitas considerações.

Este é um outro texto padrão, dos tantos outros que a Bíblia nos mostra. Esse texto ficou bastante relevante pra mim, quando soube que um presbítero, de uma outra denominação, estava para ser excluído, porque não era casado. Eu achei isso bastante estranho, pois o irmão era o presbítero da igreja já há algum tempo e só agora é que descobriram que não era casado?

Bom, descoberto o problema qual era a atitude correta, a meu ver? Casar os dois, ele e a companheira de muitos anos, pareceu-me o mais óbvio. O irmão era um presbítero muito bom, mas a igreja o excluiu, a ele e a sua família. Eles passaram a fazer parte do Movimento dos sem igreja. A solução foi a mais imprópria possível. Imagino que a liderança da igreja deveria tentar convencer o irmão a se casar, já que tinha filhos com a mulher com quem morava e continua a morar maritalmente até hoje.

O segredo da vitória da mulher sábia

Essa mulher tem um segredo, é o temor ao Senhor. Ela só consegue fazer o que faz, porque tem o temor, o respeito a Deus. Esse é o segredo de qualquer pessoa que quer ser vitoriosa.

O texto fala exatamente assim: “A mulher que teme ao Senhor será elogiada” (Pv 31. 30). Quem é que não gosta de elogios? Todos nós, não é? A mulher que teme ao Senhor será reconhecida visivelmente pelas pessoas e essas pessoas a elogiarão. O temor do Senhor acabara acarretando bênçãos visíveis. A mulher sábia é prospera porque estende a mão ao necessitado, trabalha com esforço, administra bem o seu comércio lucrativo.

Mas o texto da mulher sábia mostra um padrão, ela é mais do que uma pessoa real. Sendo um padrão, não é só para as mulheres, são para as pessoas. No estudo desse texto, há alguns anos atrás, subiu ao meu coração fazer algumas coisas que essa mulher faz, pois não lemos sobre um homem sábio na Bíblia, mas entendemos que podemos ser homens e sábios também.

Temas Relacionado:

O que mais me tocou esse texto foi que essa mulher era a primeira a acordar e a ultima a dormir em sua casa. Ela cuidava das crianças, administrava bem sua casa e seus negócios. Apesar de esse texto falar sobre a mulher e com a mulher, ele fala com os homens também. Troque a palavra “mulher” por “homem” no texto e observe como Deus fala conosco.

Paulo Sérgio Lários

Paulo Sérgio é Presbitero, tecnico de informática e escritor

A mulher sábia na visão bíblica

Tempo de leitura: 5 min